Portal Tributário Obras Eletrônicas Cadastre-se Tributos Boletim Downloads

Tamanho do Texto + | Tamanho do texto -

UM FOGUETE DE ARRECADAÇÃO - E DE GASTOS!

Tributos, juros, gastos e dívida pública - tudo em alta.

Júlio César Zanluca - 21/05/2005

A Receita Federal anunciou mais um recorde de arrecadação – em abril/2005 nada menos que R$ 31,95 bilhões foram sugados da sociedade, para entrega às farras do governo federal. 

Juros às alturas, gastos esbanjadores, dívida interna altíssima, impostos insuportáveis – até quando a economia brasileira vai agüentar? 

Falta aos nossos governantes o bom senso de reduzir tributos, despesas e juros – tudo simultaneamente. 

Sobre o recorde, são significativas as palavras do secretário-adjunto da Receita Federal, Ricardo Pinheiro, "não falo mais disso. Eu cheguei à conclusão de que isso e nada é a mesma coisa". Não há o que comemorar, isto concordo com ele. É um absurdo a carga fiscal no Brasil, verdadeira espoliação da sociedade, ainda mais quando é público e notório a gastança deste governo, que criou quase 20 mil cargos federais usando medidas provisórias (Folha Brasil, 09.05.2005). São 36 ministérios gastando dinheiro nosso, fora o Banco Central, torrando bilhões só em juros.

E o governo federal já avisou: não haverá qualquer redução da alíquota da CPMF e pouco ou nenhum desafogo tributário nos próximos anos. 

Cuspindo na cara do contribuinte, editando MPs aberrantes, caçando sonegadores, impondo uma ditadura sobre a nação e contentando banqueiros e a politicalha, o governo federal está a comprometer nosso futuro econômico, lançando o país num círculo vicioso de aumento de juros/dívida interna/farras governamentais e aumentos de tributos. 

Não fosse a classe média ter impedido a aprovação da MP 232, as agressões tributárias teriam sido maiores, os empregos menores, a fuga de investimentos expressivas. A única chance do Brasil é a classe média se levantar e impedir, terminantemente, constantemente e de todas forças admissíveis, novos aumentos de impostos. 

Faço votos que você e eu continuemos esta luta contra este genocídio econômico, impedindo esta ditadura de tomar nossos bens, nossos ânimos e todo o resto. Salvemos o Brasil! 

Júlio César Zanluca é contabilista e coordenador do www.PORTALTRIBUTARIO.com.br


Tributação | Planejamento Tributário | Tributos | Blog Guia Tributário | Publicações Fiscais | Guia OnLine | Boletim Fiscal | 100 Ideias | Boletim Contábil | Boletim Trabalhista | RIR | RIPI | RPS | ICMS | IRPJ | IRPF | IPI | ISS | PIS e COFINS | Simples Nacional | Cooperativas | Modelos de Contratos | Contencioso | Jurisprudência | Artigos | Torne-se Parceiro | Contabilidade | Guia Trabalhista | Normas Legais | Publicações Jurídicas