COMENTÁRIOS SOBRE O ARTIGO

FISCO INVADE PRIVACIDADE DO CIDADÃO

(os comentários foram sintetizados, para maior clareza)

"... O aparelho de fiscalização criado pela Receita Federal supera em milhares de vezes todo o aparato de vigilância da ditadura militar. Na ditadura só era vigiado quem eles consideravam um estorvo ou uma ameaça; a Receita vigia qualquer Pessoa Natural que tenha, independentemente da idade, um CPF ou pessoa jurídica inscrita no CNPJ.

Nas suas repartições, seus prepostos têm acesso aos nossos dados e não nos permite ver a tela do monitor, uma invasão de privacidade que nos deixa constrangido, humilhado e com sentimento de impotência.

Tomemos como exemplo a declaração de isento, que foi criada com o argumento de se tratar de um recadastramento, e hoje virou uma obrigação acessória com pecúnia se não for cumprida. Então uma criança com meses de idade está obrigada a declarar, caso não o faça, ou alguém, ela não recebe os benefícios do INSS caso ela tenha direito e deles dependem a sua vida; e ainda está obrigada a pagar a multa. A declaração também não é social, porque só é gratuita para quem tem acesso a internet.

Concluindo, parodiando Chico Buarque, "Receita de vigia contribuinte infeliz com seus olhos de raio X". (AMSJ)

"Quem garante que estamos num Estado Democrático de Direito? A situação se agrava todo santo dia, seja pela ineficiência de políticas públicas viáveis, seja pela corrupção que assola o Pais.

O fisco tornou-se um braço do estado em nosso desfavor impondo de forma arbitrária e muitas vezes ilegal, o controle e o vasculhamento de nossas vidas!

Já não bastasse a carga tributária que somos obrigados a suportar, ainda temos de conviver com a ofensa, em todos os sentidos, a nossos sagrados direitos fundamentais, dentre estes, o da inviolabilidade de nossos dados bancários e fiscais. É um verdadeiro absurdo!!!!!" (JRL)

 

 

"Em breve, estarão pedindo uma "declaração ideológica" para cada brasileiro - se você concordar com o partido que governa, será tratado com deferência... mas se você não concordar, será punido, sua vida será vasculhada e, caso não se "converter" à ideologia estatal vigente, será considerado um "sonegador" e "criminoso"... Acordem, brasileiros!" (anônimo - talvez com medo de se identificar e cair sob a desgraça futura da perseguição fiscal...)

 

 

"É intolerável, onde iremos parar? Só faltam instalar uma câmera dentro de cada casa, escritório ou clube, para xeretar nossas vidas... Não duvido que isto aconteça, pois se rasgam a Constituição todo dia, porque não acabariam com nossa intimidade, de vez por todas?" (JOC)

 

 

"Socorro! Estou sendo vigiado diariamente... para onde irei? Não cometi crime nenhum, sempre fui um bom cidadão... pensei que a ditadura tinha acabado no Brasil... mas ela só começou!" (LAS)

 


Tributação | Planejamento Tributário | TributosLegislação | Publicações Fiscais | 100 Idéias | Guia FiscalBoletim Fiscal | Eventos | Boletim Contábil | Boletim Trabalhista | RIR RIPIRPS | ICMS | IRPJ | IRPF | IPI | Simples FederalPIS/COFINSCooperativasModelos de Contratos | ContenciosoJurisprudênciaArtigosTorne-se ParceiroControle CondomíniosContabilidade | Guia Trabalhista | Normas Legais